CINQUENTA ANOS DE DOCENCIA: FATORES DE MUDANÇA E DIALOGOS INTERGERACIONAIS

Cofinanciado por:
Acrónimo | FYT-ID
Designação do projeto | CINQUENTA ANOS DE DOCENCIA: FATORES DE MUDANÇA E DIALOGOS INTERGERACIONAIS
Código do projecto | PTDC/CED-EDG/1039/2021
Objetivo principal | Reforçar a Investigação, o desenvolvimento tecnológico e a inovação

Região de intervenção | Portugal

Entidade beneficiária |
  • Universidade do Porto - Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação(líder)
  • Universidade de Évora(parceiro)

Data de aprovação | 29-07-2021
Data de inicio | 01-01-2022
Data de conclusão | 31-12-2024

Custo total elegível | 249691.58 €
Apoio financeiro da União Europeia |
Apoio financeiro público nacional/regional | República Portuguesa - 249691.58 €
Apoio financeiro atribuído à Universidade de Évora | 5000 €

Resumo

Neste projeto considera-se que os professores e o sistema educativo português durante os últimos 50 anos são um importante case study com relevância internacional para aelucidação de fatores endógenas e exógenos da inovação educativa e da recuperação do diálogo intergeracional. A educação foi um eixo central de desenvolvimento nos últimos 50anos em Portugal. Os professores foram essenciais neste trajeto ao longo do qual deram passos firmes na afirmação do seu profissionalismo [1]. Aqueles que começaram o exercíciodocente nos anos 1970 e que agora chegam ao fim da carreira têm com eles a história real da evolução de um sistema educativo e das suas peripécias; a memória das inovações eda reforma; um conhecimento da escola e da sua transformação e inércia, e das crianças e jovens nas suas diferentes gerações; possuem um conhecimento de dentro (nem sempreconsciente) das dificuldades e oportunidades de melhoria. Toda esta riqueza de conhecimento vivido [2] pode ser um contributo crucial para o estudo dos professores e da mudançaeducativa (social, curricular e política) [3]. Por outro, o envelhecimento do corpo docente, associado à ausência da sua renovação e perda de atratividade da profissão [4], temdificultado o convívio entre gerações de professores [5]. O facto de nos próximos 10 anos cerca de 50% do corpo docente se ir reformar [4] aumenta a necessidade de aprofundar oestudo sobre os processos de diálogo intergeracional. Informado pelo desenvolvimento do profissionalismo dos professores e a valorização da profissão docente [6] [7] [8], esteprojeto tem o objetivo geral de criar resultados de investigação e dispositivos que deem conta de histórias de professores e suas variáveis cruciais para a mudança, e que promovam o diálogo entre antigos e novos professores e a sociedade. São seus objetivos específicos: produzir narrativas de vida que deem conta de dimensões crucias de inovação e mudançano sistema educativos nos últimos 50 anos; promover o diálogo intergeracional na formação de professores e avaliar os seus efeitos; produzir versões digitais multimodais denarrativas de vida e de diálogos intergeracionais “exemplares” e torná-los acessíveis em repositório aberto- para investigação, formação e comunicação com a sociedade. Tendo porpano de fundo as transformações das últimas décadas [1], o atual envelhecimento do corpo docente [4] e as possibilidades abertas pela investigação biográfica para a compreensãodos processos históricos quotidianos, a formação e a comunicação com a sociedade [2][9], o estudo tem três eixos teóricos: construção do profissionalismo dos professores e dainovação educativa; rejuvenescimento do corpo docente e diálogo intergeracional; investigação-biográfico narrativa e criação de repositório aberto [9] [10]. O projeto desenvolve-seem três etapas: Recolha e análise de histórias de vida de professores que iniciaram a sua carreira nos anos 1970 (tendo em conta o género e a abrangência regional);Desenvolvimento e avaliação de projetos de formação inspirados pela investigação-ação promotores do diálogo intergeracional; Criação de um Repositório aberto de Histórias deEnsino e Formação constituído por protótipos das histórias e das experiências formativas em função de eixos emergentes da análise. Para além das tarefas de coordenação e dedisseminação, o estudo é constituído por outras 9 tarefas, em certos momentos coincidentes, mas referidas às etapas acima descritas. A etapa 1 dura 16 meses e organiza-se emduas partes: uma preparatória (T2 Lançamento; T3 Revisão de Literatura; T4 Workshop da equipa sobre metodologia biográfico-narrativa) e outra de recolha e análise das históriasde vida (T5 e T 6). A etapa 2 dura 9 meses e é constituída pela implementação (T7), o desenvolvimento (T8) e a avaliação dos projetos formativos intergeracionais (T9). A etapa 3corresponde à T10, que compreende 3 eixos: estudo de repositórios existentes, armazenamento e gestão de dados; criação de conteúdos a partir dos dados a serem produzidos nastarefas; e criação, disponibilização e lançamento de um Repositório aberto de histórias de formação e ensino. A PI tem uma forte experiência de condução e supervisão dainvestigação e é uma referência nacional e internacional no estudo dos professores, do profissionalismo e da investigação biográfico-narrativa. A equipa é constituída porinvestigadores experientes e organiza-se em três subequipas: a subequipa FYT, especialmente responsável pela recolha e análise de histórias de vida; a subequipa ID, especialmenteresponsável pela implementação dos diálogos intergeracionais; e a subequipa OP-Data, com elementos com expertise na construção de arquivos, convencionais e digitais. Osconsultores – António Nóvoa e Linda Evans - são grandes referências nos domínios da profissionalização dos professores e da investigação/formação biográfico-narrativa.


Objetivos, atividades e resultados esperados/atingidos

Informado pelo desenvolvimento do profissionalismo dos professores e a valorização da profissão docente, o projeto “Cinquenta anos de docência: fatores de mudança e diálogos intergeracionais – FYT-ID” (PTDC/CED-EDG/1039/2021), tem como objetivo geral criar resultados de investigação e dispositivos que deem conta de histórias de professores e suas variáveis cruciais para a mudança, e que promovam o diálogo entre antigos e novos professores e a sociedade.

O objetivo principal do projeto desdobra-se em objetivos específicos, nomeadamente: 

– produzir narrativas de vida que deem conta de dimensões crucias de inovação e mudança no sistema educativos nos últimos 50 anos; 

– promover o diálogo intergeracional na formação de professores e avaliar os seus efeitos; 

– produzir versões digitais multimodais de narrativas de vida e de diálogos intergeracionais “exemplares” e torná-los acessíveis em repositório aberto – para investigação, formação e comunicação com a sociedade.

 

Plano de trabalho em https://fytid.net/plano-de-acao-v2/

 

Attribute Type Value
id integer 5107