LTV - SourceMod4PSHA Construção de um modelo de fontes sísmicas para a região do Vale do inferior Tejo.

Cofinanciado por:
Designação do projeto | LTV - SourceMod4PSHA Construção de um modelo de fontes sísmicas para a região do Vale do inferior Tejo.
Código do projecto | PTDC/CTE-GIX/101852/2008
Objetivo principal |

Região de intervenção |

Entidade beneficiária | Universidade de Évora(líder)

Data de aprovação | 16-09-2009
Data de inicio | 01-04-2010
Data de conclusão | 01-04-2013

Custo total elegível |
Apoio financeiro da União Europeia |
Apoio financeiro público nacional/regional |

Resumo

Quando se pretende produzir uma avaliação probabilística da perigosidade sísmica de uma qualquer região, há 

que fazer a caracterização das fontes sísmicas passíveis de produzirem ondas que afectem região, estudar a propagação dessas 

ondas através da terra e analisar o seu potencial de amplificação nos locais de interesse. Este projecto focaliza-se no primeiro 

aspecto: a criação e avaliação de modelos de fontes sísmicas relevantes para o vale inferior do Tejo (LTV). É sabido que no 

passado aconteceram grandes sismos na margem sudoeste de Portugal, que afectaram fortemente Lisboa e região circundante, 

como o de 1755 (Mw ~8,5) ou o de 1969, (Mw=7.3). Além desta procedência, os grandes 

sismos podem igualmente ter origem no próprio LTV (Mw entre 6 a 7 em 1344, em 1531, e em 1909). Também as estimativas produzidas a partir dos deslocamentos medidos mediante métodos geofísicos, apontam para períodos de retorno, para sismos de Mw 6 de 2 até 5 milhares de anos. 

O desafio será, consequentemente, coligar, combinar, e possivelmente complementar informações de vários tipos: catálogos 

sísmicos históricos e instrumentais; falhas activas cartografadas; dados geofísicos sub-superficiais com informação sobre a 

geometria e “offsets” (deslocamentos) das falhas; e dados paleosismológicos disponíveis. Será planeada e usada uma estrutura de 

modelação probabilística para: 1) estudar a correspondência entre falhas e sismos ; 2) testar a eficiência dos diferentes processos de caracterização de fontes (falhas, zonas difusas, etc.) sob o ponto de vista da robustez dos 

mapas de perigosidade resultantes (isto é, previsão de mapas de movimentos intensos do solo para dados períodos de retorno). 

A própria modelação de falhas será igualmente útil para 1) o estudo da geometria das falhas e dos regimes tectónicos no que diz 

respeito às condições limite na região (certamente que as discrepâncias nos modelos numéricos poderão indicar a probabilidade, 

de se encontrareem falhas desconhecidas) e 2) para propor novos modelos físicos, característicos de sismos fortes. 

Um resultado esperado para este projecto é uma lista de recomendações sobre que dados serão mais necessários futuramente 

conseguir para complementar os resultados aqui obtidos, com vista a conseguir-se um robusto e consistente modelo de fonte 

para utilização em próximos programas de avaliação probabilistica de perigosidade sísmica no vale inferior do Tejo. 


Objetivos, atividades e resultados esperados/atingidos

Objetivos

We want to construct and design ways to use a source model in probabilistic seismic hazard assessment (PSHA) for a slowly 

deforming region with rather rare but damaging events. We aim for a composite object (catalogues, faults or seismic zones, 

physics-based probability density functions (pdf) for recurrence of each magnitude) with its uncertainties as a possible alternative 

to logic trees with branches weighted by "expert panels", and mathematically-based only renewal models, as found in the 

literature. 

PSHA is of great societal importance for a large city such as Lisbon and its surrounding region. The project will propose a seismicity model ready for use in aPSHA for the LVT, and will identify the inputs the estimation of PSHA in the LTV are most sensitive to. The results of this research will be useful for any region of the world displaying similar seismic activity, and similar tectonic patterns.

Atividades

We will publish and present our work in International Journals and Conferences, in particular the World Conference in Earthquake Engineering to be held in Lisbon in 2012. 

 

We also plan two types of outreach actions in the framework of this project, and more particularly during 

Task 1 on the historical seismicity and the gathering of the seismicity catalogue. They have to do with the transmission of individual and collective memory and experience to the younger generation, and with raising the awareness of the population towards seismic hazard. 

1-  with schools of the LTV region. 

2-  with the “Lars dos Idosos” in the LTV as well