Cátedra UNESCO em Educação e Ciência para o Desenvolvimento e Bemestar Humano (EDUWELL)

A Cátedra EDUWELL surge da parceria entre diversas Instituições de Ensino Superior (IES) portuguesas, em associação com instituições de Angola, Brasil, Cabo Verde Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste, com o objetivo de fazer face às desigualdades tecnológicas, de educação e de conhecimento científico, que se constituem como alguns dos maiores desafios do século XX. Através de uma abordagem multidisciplinar assente nas áreas da Educação e da Ciência, visa preparar as novas gerações para enfrentarem os desafios futuros de um mundo global altamente competitivo, apostando na criação de bolsas de estudo, programas de pós-graduação, formações de curta duração e incentivos à investigação e ao desenvolvimento das suas instituições, como formas de, em rede, promover a aprendizagem, a transferência de conhecimento, a criação de oportunidades e o debate científico entre as várias entidades parceiras.

Esta cátedra promovida pela UNESCO tem como principal missão contribuir para o desenvolvimento de uma sociedade baseada na educação, criando, para tal, condições para que os cidadãos e os governos se tornem cientificamente literatos e provocando transformações sociais através da criação de conhecimentos sobre as diferentes áreas envolvidas, que influenciam o diálogo intercultural, o bem-estar e o desenvolvimento sustentável.

Em termos de linhas de ação, definiu como prioridades as seguintes metas:

  • Combinar os conhecimentos nas diferentes áreas de cada parceiro para alcançar um elevado nível de aprendizagem e investigação em áreas de prioridades nacionais e internacionais importantes para a implementação de políticas em cada país;
  • Colaborar com universidades internacionais e institutos de investigação de excelência para um intercâmbio de estudantes de mestrado e doutoramento como forma de estar permanentemente informados sobre os avanços científicos, reforçando a internacionalização nos domínios em desenvolvimento;
  • Interagir com os parceiros através do estabelecimento de colaborações em programas de I&D;
  • Manter atualizadas e melhorar as condições a fim de permitir que professores e investigadores
  • realizem permanentemente os diferentes programas definidos e desenvolvam investigação atualizada, minimizando ao mesmo tempo os seus custos;
  • Potenciar o diálogo com a indústria como forma de tirar partido dos resultados da investigação e contribuir para o avanço do conhecimento e aumentar a competitividade;
  • Criar condições para:
    1. A mobilidade de investigadores entre países parceiros
    2. Ensino de graduação e pós-graduação nas áreas de conhecimento propostas;
  • Definição de estratégias de formação e desenvolvimento da investigação em temas considerados importantes para a capacitação humana, de acordo com as necessidades específicas de cada país e os objetivos da UNESCO;
  • Promoção de diálogo com diferentes sectores da sociedade, a fim de partilhar conhecimentos e definir necessidades, especialmente quando se trata de igualdade de género, empoderamento, saúde humana, economia sustentável e preservação ambiental;
  • Utilização de tecnologias digitais modernas disponíveis nas diferentes instituições parceiras para partilhar e promover o diálogo e divulgar o conhecimento e a educação.

 

Oportunidades de Aprendizagem

Disciplinas: Justiça Internacional | Estado, Governança, Políticas Públicas e Tomada de Decisão | Globalização e Governança | Ciência e Desenvolvimento Humano | Processos Eleitorais, Cidadania e Cultura Política |Cosmopolitismo e Multiculturalismo |Religiões e Mundo Único |Evolução dos Direitos e Deveres Humanos | Memória e Ordem Internacional |Tendências globais num mundo policêntrico |União Europeia como Ator Global | Género, Juventude, Migração e Direitos Humanos.

Disciplinas: Justiça Internacional| Segurança Mundial |Governança transnacional, políticas públicas e tomada de decisão |Gestão Pública |Processos de elaboração de políticas públicas |Políticas financeiras |Recursos orçamentais e plataformas de compras |Recursos humanos e Administração Pública |Governança e Administração Pública |Regulação e Políticas Públicas |Ética e Administração Pública |Gestão Administrativa e Transparência |Políticas de programas para o desenvolvimento |Políticas públicas para a reconstrução de sociedades desestruturadas |Globalização: Mundo Único, terra comum da humanidade numa "arena" mundial de conflitos.

Disciplinas: Património, Governança, Políticas Públicas e Tomada de Decisão |Comportamento Organizacional | Contabilidade e Finanças |Negócios, Ética e Responsabilidade |Economia e Estratégia Empresarial |Liderança e Boa Governação |PMEs e Sustentabilidade Económica |Destruição construtiva em Economias Emergentes |Economia e Situação Social |Recursos Energéticos, e Economia |Paz, Resolução de Conflitos, Jhiadismo, Terrorismo, Drogas, Venda de Órgãos Humanos, Refugiados, Corrupção e Transformação Económica e Diversificação |Estratégia de redução da pobreza e sustentabilidade económica a longo prazo |Dimensões sociais e económicas da sustentabilidade |Políticas de ciência e inovação e igualdade de género.

Disciplinas: Biogeografia e História do Ambiente |Biodiversidade e Conservação: As Ciências do Sistema Terra para o Planeta Azul-Verde | Crise Ambiental, Alterações Climáticas e Reforma do Direito Internacional |Estado, Governança, Políticas Públicas e Tomada de Decisão | Educação, Cidadania, Ciências Ambientais, Desenvolvimento Social e Individual |Gestão de Recursos Naturais e Políticas Energéticas de baixo carbono |Agrossilvicultura sustentável, conservação dos solos, gestão da água e proteção ambiental |Ambiente Políticas públicas e diplomacia ambiental |Modernização e sustentabilidade ambiental o desafio de uma transição verde global |Ciência e tecnologia, políticas públicas e desenvolvimento sustentável |Dimensões sociais e económicas da sustentabilidade |Políticas públicas para o mar:  Desafios e oportunidades |Cidades sustentáveis e integração social |Migração e desenvolvimento rural.

Disciplinas: Justiça Internacional |Segurança Mundial |Estado, Governança, Políticas Públicas e Tomada de Decisão |Política de segurança pública |Estudos Estratégicos e Inteligência |Segurança Cibernética |Liderança em ambientes complexos |História Militar |Comunicação estratégica e conflito |Poder militar |Novas tecnologias de defesa |Estratégia global do Estado |Evolução do pensamento estratégico.

Disciplinas Optativas: Ciência e Vida |O Planeta Terra |O potencial do mundo lusófono.

Para mais informações: catedraeduwell@acad-ciencias.pt

 

 

Instituições Parceiras

  • Portugal: Faculdade de Letras; Instituto Superior de Agronomia (ISA); Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG; Academia das Ciências de Lisboa; Academia Militar; Universidade de Coimbra; Universidade dos Açores –Universidade Aberta; Universidade Católica Portuguesa e Academia das Ciências de Lisboa.
  • Angola: Universidade Agostinho Neto.
  • Brasil: Universidade Federal da Bahia; Universidade Metodista; Universidade Federal do Espírito Santo; Centro de Ensino Superior de Vitória.
  • Cabo Verde: Universidade de Cabo Verde.
  • Guiné – Bissau: Universidade Jean Piaget da Guiné-Bissau.
  • Moçambique: Universidade Eduardo Mondlane; Universidade LURIO; Universidade Zambeze.
  • São Tomé e Príncipe: Universidade Lusíada de S. Tomé e Príncipe.
  • Timor Leste: Instituto Superior de Filosofia e Teologia D. Jaime Garcia Goulart.