2024

Conservação da Vegetação Mediterrânica

Nome: Conservação da Vegetação Mediterrânica
Cód.: BIO10183M
6 ECTS
Duração: 15 semanas/156 horas
Área Científica: Ciências Biológicas

Língua(s) de lecionação: Português
Língua(s) de apoio tutorial: Português, Inglês
Regime de Frequência: Presencial

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Objetivos de Aprendizagem

Pretende-se dotar os alunos de conhecimentos e capacidade crítica necessários a uma contribuição responsável para a conservação, recuperação e gestão da vegetação mediterrânica. Será dada relevância aos tipos de acções geralmente considerados na conservação, recuperação, minimização e compensação dos impactos na flora desta região.


Com a discussão de artigos científicos, espera-se que os alunos interajam criticamente com outros colegas através do trabalho em equipa; e apresentem e defendam por oralmente o conteúdo desses artigos.

Conteúdos Programáticos

1. Caracterização da região Mediterrânica


1.1  Caracterização física


1.2  Limites biológicos


1.3  Origem e história da flora e vegetação


1.4  Processos que definem a flora e a vegetação actuais


2. Factores determinantes para a conservação da diversidade vegetal Mediterrânica


2.1  Conservação e desenvolvimento


2.2  Contribuição económica das plantas


2.3  Manutenção de habitats essenciais


2.4  Manutenção da estabilidade ambiental


3. O caso da Península Ibérica


3.1  Riqueza florística


3.2  Mosaico de habitats


3.3  Endemismos


3.4  Espécies raras e ameaçadas


3.5  Espécies invasoras


4. Escalas de conservação da vegetação Mediterrânica


4.1  Conservação de habitats,comunidades e ecossistemas


4.2  Conservação ex situ


4.2.1 Bancos genéticos e de germoplasma


4.2.2 Jardins botânicos


4.2.3 Bancos de sementes


4.2.4 Bancos genéticos de campo


4.2.5 Bancos polínicos e de esporos


4.2.6 Micropropagação


4.2.7 Limitações da conservação ex situ


5. Estratégias de conservação


5.1  Recuperação e reconstituição de habitats


5.2  Reintegração de habitats fragmentados


5.3  Alterações climáticas e conservação


5.4  Gestão de ecossistemas e conservação da diversidade vegetal – estudos de caso


 

Métodos de Ensino

O processo de ensino/aprendizagem baseia-se em aulas teóricas e teóricos/práticas com exposição dos conteúdos programáticos e discussão com os discentes sobre aspectos relevantes apresentados na aula. Módulos teóricos presenciais com exposição e discus-são dos temas programáticos. Disponibilização do material utilizado e de materiais com-plementares na plataforma de e-learning. Os módulos teóricos expositivos serão com-plementados com saídas de campo e/ou visitas de estudo, e com a análise de artigos recentes relacionados com os temas programáticos.
Métodos de avaliação: Avaliação teórica final: 40%; Outros momentos de avaliação com base na análise de três artigos: 60%.
Nota Final = Nota teórica + notas das avaliações dos artigos

Avaliação

A avaliação da unidade curricular foi realizada por Exame Teórico e Exame de Recurso Teórico (60% da nota final) e pela leitura, interpretação e discussão de dois artigos científicos (40% da nota final).

Bibliografia

Castri, F.,Hansen,A.J. and Debussche, M.(ED).(2005).Biological Invasions in Europe and the Mediterranean Basin. Kluwer.
Dell,B.,Hopkins, A.J.M. and Lamont, B.B. (2012). Resilience in Mediterranean-type ecosystems. Springer
Elton, C.S. (2020). The ecology of invasions by animals and plants. Springer
Hamilton, A. and Hamilton, P.(2013). Plant conservation: an ecosystem approach. Earthscan
Hawkins, B.,Sharrock,S. and Havens, K. (2008).Plants and climate change: which future? BGCI
Maxted, N,´;Hunter; D. and Rios, R. O. (2020) Plant genetic conservation. Cambridge.
Mazzoleni,S.,Pasquale, G., Mulligan,M. and Martino, P. (2004). Recent dynamics of the Mediterranean vegetation and landscape. Wiley
Moreno, J.M. and Oechel, W.M. (2012). The role of fire in Mediterranean-type ecosystems Springer
Rundel, P.W.,Montenegro, G. and, Jaksic, F.M.(2013) Landscape disturbance and biodiversity in Mediterranean-type ecosystems. Springer
Thompson, J,D, (2005). Plant evolution in the Mediterranean. Oxford