NAQUIBIODPSA: Obtaining Veterinary Medicines from Silver Nanoparticles fixed in Polymeric Chitosan Hydrogels

Cofinanciado por:
Acronym | NAQUIBIODPSA
Project title | NAQUIBIODPSA: Obtaining Veterinary Medicines from Silver Nanoparticles fixed in Polymeric Chitosan Hydrogels
Project Code | ALT20-03-0247-FEDER-033578
Main objective | Reforçar a Investigação, o desenvolvimento tecnológico e a inovação

Region of intervention | Alentejo

Beneficiary entity |
  • BRINOVA - Bioquímica, Lda.(líder)
  • Universidade de Évora(parceiro)

Approval date | 25-05-2018
Start date | 01-10-2018
Date of the conclusion | 30-09-2021

Total eligible cost | 1423894.66 €
European Union financial support | FEDER - 1053201.54 €
National/regional public financial support |

Summary

 

This project aims at the technological development of novel nanoparticles based on chitosan and silver for the use as products to assist wound healing in dogs. Thus these products will be directed to the veterinary industry namely: Veterinary Medicines (MV) and Veterinary Use Products (PUV), using chitosan hydrogels with silver nanoparticles is a unique effective way of solving this problem.

 


Objectives, activities and expected/achieved results

O projeto n.º 33578 – NAQUIBIO DPSA tem por objetivo o desenvolvimento tecnológico de uma base polimérica hidrogeis de quitosano com nanopartículas prata, para aplicação como base de produção de novos produtos (medicamentos) veterinários para tratamento de feridas em animais. Para aferir a eficácia e segurança dos produtos desenvolvidos, serão planeadas e executadas um conjunto de análises e bioensaios (in silico, células, ratos e animais), a desenvolver de acordo com os cadernos encargos legais que conduzem à autorização para introdução no mercado europeu de medicamentos veterinários.

Os hidrogéis serão obtidos por reticulação (crosslinking) com um agente reticulante adequado e compatível. As nanopartículas prata serão preparadas por síntese em meio aquoso e posteriormente estabilizadas com um derivado de Quitosano. Serão avaliadas as metodologias de preparo, estabilidade, propriedades físico-químicas, bem como a microestrutura, morfologia e cristalinidade dos hidrogéis preparados, bem como, a incorporação de outros ativos; biocompatibilidade; citotoxicidade; e a viabilidade celular em culturas células.

O Consórcio de I&D é constituído por uma empresa, a BRINOVA, que é a empresa-líder, e por uma entidade não empresarial, a Universidade de Évora, reunindo as competências técnicas e científicas para o desenvolvimento do mesmo.