Ageing Safely in Alentejo – Understanding for Action (ESACA)

Cofinanciado por:
Acronym | ESACA
Project title | Ageing Safely in Alentejo – Understanding for Action (ESACA)
Project Code | ALT20-03-0145-FEDER-000007
Main objective |

Region of intervention |

Beneficiary entity | Universidade de Évora(líder)

Approval date | 18-03-2016
Start date | 01-07-2016
Date of the conclusion | 30-06-2019
Date of extension | 30-04-2020

Total eligible cost |
European Union financial support |
National/regional public financial support |

Summary

Response to the societal challenge of aging in Alentejo. Objectives: prevention of falls and injuries and violence on the elderly. Method: 3 cross-sectional studies - to test and validate the Dynamic Model of Intervention for Prevention of Falls in Uninstitutionalized Elderly Persons and to create the Safety Model for Prevention of Injury by Drop in Institutionalized and/or hospitalized Elderly Persons and the Integrated Model of Prevention of Violence Elderly.


Objectives, activities and expected/achieved results

Objectives

- Promover o Envelhecimento com Segurança dos idosos no Alentejo;

- Compreender e prevenir as quedas e lesões em idosos institucionalizados e não institucionalizados;

- Compreender e prevenir as situações de violência nas representações e práticas dos diferentes atores institucionais da violência sobre os idosos;  

- Diminuir os custos individuais, sociais e económicos inerentes às quedas e à violência sobre idosos.

Activities

Algumas das diferentes atividades ocorrem em simultâneo.

Atividade  1

Duração – 6 meses

Estudo 1 - Validação dos instrumentos de diagnóstico do risco de queda já criados em idosos não institucionalizados, através do software para diagnóstico do risco e perfil individual de intervenção nas quedas.

Estudo 2 – Aplicação dos instrumentos de diagnóstico do risco de lesão por queda em idosos institucionalizados para determinar o perfil individual de risco e os fatores contextuais/institucionais/ambientais envolvidos na queda e lesão.

Estudo 3 – Aplicação dos instrumentos de caraterização e diagnóstico da violência sobre idosos institucionalizados e não institucionalizados.

 Atividade 2

Duração: 12 meses

 

Estudo 1 - Aperfeiçoamento do Modelo Dinâmico de Intervenção para Prevenção de Quedas em Idosos não Institucionalizados (MDIPQnI) - da sua capacidade discriminativa e do software construído.

Estudo 2 – Identificação dos determinantes e dos perfis individuais e contextuais de risco de lesão por queda nos idosos institucionalizados.

 Estudo 3 - Identificação dos determinantes e dos perfis individuais e contextuais de risco de violência nos idosos.

 Atividade 3

Duração: 15 meses

Comum aos 3 estudos -  Criação do laboratório de intervenção em Gerontopsicomotricidade, aberto à comunidade, para promover e executar programas de prevenção das quedas e lesões e de apoio na violência (exercício físico, educacionais, de relaxação, multimodais, psicológicos e outros).

 Atividade 4 

Duração: 6 meses

Estudo 1 e 2 - Realização e disponibilização de 2 Massive Online Open Courses (MOOCs) e Manual de Boas Práticas – prevenção de quedas e lesões (idosos institucionalizados e não institucionalizados).

Estudo 1 - Esta ação consiste em testar e validar o sistema dinâmico de intervenção/prevenção criado, em implementar o sistema na população idosa do Alentejo e em fazer o seu seguimento longitudinal (ensaio piloto).

Estudo 1 e 2 – Mediante reunião com os consultores e os resultados da investigação, elaboração dos Manuais de boas práticas sobre a prevenção de quedas e a prevenção da violência sobre idosos e Programa de Prevenção das Quedas e Lesões associadas em idosos institucionalizados e não institucionalizados no Alentejo.

Estudo 1 e 2 –   Divulgação na comunidade e nas instituições do Manual de Boas Práticas – prevenção de quedas e lesões, e recomendações sobre os fatores ambientais que interferem no risco de quedas. 

Estudo 3 - Realização e disponibilização de 1 MOOC e Manual de Boas Práticas - prevenção da violência sobre idosos (institucionalizados e não institucionalizados) no Alentejo.

 Atividade 5

Duração: 12 meses

Estudo 1 – Testar, validar e implementar o MDIPQnI na população idosa do Alentejo e fazer o seu seguimento longitudinal (aferir eficácia do modelo) com o recurso de instrumentos multimédia para a sua operacionalização.

Estudo 2 – Testar e validar os instrumentos de diagnóstico do risco de lesão por queda em idosos institucionalizados através do software criado para diagnóstico do risco e perfil individual de intervenção nas quedas.

Estudo 3 – Testar e validar os instrumentos de caraterização e diagnóstico da violência sobre idosos institucionalizados e não institucionalizados através do software criado para a caraterização e diagnóstico da violência sobre idosos.

 

Atividade 6

Duração: 12 meses

Estudo 2 – Construção do Modelo de Segurança para Prevenção de Queda ou Lesão em Idosos Institucionalizados e/ou Internados (MSPQLII), a ser posteriormente validado em diferentes populações.

Estudo 3 - Construção do Modelo Integrado de Prevenção da Violência sobre Idosos (MIPVI), a ser posteriormente validado.  

 

Atividade 7

Duração: 6 meses

Comum aos 3 estudos - Construção de uma base de evidência científica sobre Envelhecer com Segurança no Alentejo (quedas e violência) a partir dos resultados dos 3 estudos, alojada na Universidade de Évora

Atividade 8

Duração: 3 meses

Estudo 1 - Registar a patente do MDIPQnI.

Estudo 2 – Realizar Programa Regional de Prevenção de Queda ou Lesão em Idosos Institucionalizados e/ou Internados (MSPQLII) no Alentejo.  

Estudo 3 – Realizar Programa Regional de Prevenção de Violência sobre os Idosos no Alentejo.  

Atividade 9

 Duração: 2 meses

Comum aos 3 estudos – Elaborar  Relatório Final da investigação.