Divisão de Registo e Certificação Escolares

Contactos
Documentos

Equipa

Funcionários

Competências

Regulamento dos SAC – Despacho 1530/2018 (2ª série) de 13 de Fevereiro

Missão:
Os SAC desenvolvem a sua ação, no âmbito dos procedimentos académicos, percurso escolar dos estudantes do ingresso à concessão de graus e títulos académicos, assegurando a gestão académica dos processos de ensino-aprendizagem e prestando uma assessoria de qualidade em todas as matérias conexas.

Finalidades da Unidade:
À Divisão de Registo e Certificação Escolar compete a coordenação, planeamento e gestão dos procedimentos académicos relativos à certificação ou reconhecimento de graus, cursos não conferentes de grau e de unidades curriculares ministrados ou a serem reconhecidos pela Universidade de Évora, assim como a gestão e apuramento de resultados de prémios escolares e bolsas de mérito.

  1. Assegurar a verificação e validação das condições de obtenção, emissão e registo de carta doutoral, de curso e diplomas ou certidão de conclusão de cursos conducentes a grau ou não conferentes de grau, nos termos legais;
  2. Assegurar a monitorização, arquivo e a disponibilização de informação no âmbito do processo de registo das classificações das avaliações, relativa a todos os ciclos de estudo e cursos não conferentes de grau;
  3. Assegurar a gestão, o registo no SIIUE e a aplicabilidade das Tabelas de Equivalências/ Planos de Transição no âmbito dos ciclos de estudos conferentes de grau;
  4. Disponibilizar informação sobre a situação académica dos alunos, nomeadamente a verificação dos ECTS e  unidades curriculares  em  falta  para  conclusão  e  obtenção  de  diploma ou certidão de conclusão;
  5. Assegurar a disponibilização de informação, a receção de processos   e   instrução   e   tramitação dos mesmos, aos interessados no processo de reconhecimento, equivalência e registo de habilitações estrangeiras na Universidade de Évora;
  6. Assegurar   a   receção   de   candidaturas,   sua   ordenação   e   resultados   no   âmbito   dos   processos de atribuição de prémios e bolsas conferidas pela Universidade nos termos da regulamentação;
  7. Emitir declarações referentes a áreas de estudo dos cursos, ao percentil por curso ou por unidade curricular e a outras informações relativas a diplomados; 
  8. Assegurar a gestão, o registo, a atualização e disponibilização de informação de conteúdos programáticos de unidades curriculares em português e em inglês, em conformidade com informação constante no processo de acreditação

(Fonte: Artigo 6º, nº 1 do Regulamento dos Serviços Académicos da UÉ - Despacho 4302/2016 (2ª série) de 28 de março)

Perfis Gerais das Pessoas para os Requisitos e Competências/Atribuições

Competências Pessoais

  1. Capacidade de Gestão de tempo
  2. Capacidade de Planeamento, Organização e Gestão do Trabalho, estabelecendo prazos e determinando prioridade
  3. Capacidade de analisar a regulamentação e enquadrar cada caso específico na regulamentação
  4. Visão transversal
  5. Atitude Pró-ativa, espirito crítico e criativo para resolução e melhoria de procedimentos
  6. Capacidade de iniciativa para a implementação da mudança.
  7. Autonomia para resolução de desafios profissionais
  8. Dedicação e envolvimento com a instituição
  9. Defender valores como equidade, transparência e qualidade focalizada no cliente
  10. Assertividade;
  11. Gestão das emoções
  12. Capacidade para trabalhar e incentivar o trabalho em equipa



Competências Técnicas

  1. Capacidade de gestão do tempo;
  2. Capacidade de planeamento, organização e gestão do trabalho;
  3. Capacidade de analisar a regulamentação e enquadrar cada caso específico na regulamentação,
  4. Visão transversal
  5. Conhecimentos de língua inglesa;
  6. Conhecimentos especializados sobre legislação e regulamentação,
  7. Conhecimentos de informática, da plataforma académica (SIIUE) e sistema de gestão documental (GESDOC);
  8. Proposta e implementação de melhorias da eficiência dos instrumentos de trabalho
  9. Saber de forma profissional atender os "clientes"
  10. Capacidade de negociação


(Fonte: Focus Group)

Esta informação ainda não incorpora o contributo dos trabalhadores, indicados pelos superiores hierárquicos, que participaram nas sessões realizadas pelo grupo de trabalho nomeado pelo Despacho nº 42/2016, de 16 de maio.